Éphesus – Turkia , Greek City – The home of Maria

Éphesus – Turkia 

DSCN0774

Cidade Grego-Romana da Antiguidade, sendo uma das doze cidades da Liga Jônia durante o Período Clássico Grego, situada na costa ocidental da Ásia Menor, encontra-se a três quilômetros a sudoeste da cidade de Selkut,Esmina , na Turkia.

DSCN0824

Foi o maior centro comercial exterior da Ásia(64 a.C a 25 d.C),segundo arqueólogos,pois encontraram uma inscrição em pedra que premiava a cidade como a mais ilustre de todas as cidades da Ásia

DSCN0804

A cidade era célebre pelo Templo de Ártemis, construído por volta de 550 a.C., uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo. O templo foi destruído em 01 d.C, juntamente com muitos outros edifícios, por uma multidão liderada por São João Crisóstomo

DSCN0756

Foi reconstruído pelo imperador Constantino I , construindo novos banhos públicos, mas novamente em 614 d.C, a cidade foi novamente por um terremoto.

DSCN0791

DSCN0750

Acima a excelente guia Reina,considerada a melhor guia turka,que nos dá todas as informações necessárias como uma autêntica professora de história.

DSCN0799

DSCN0814

O  Teatro para capacidade de 25 mil pessoas,ainda intácto.

DSCN0807

A importância da cidade como centro comercial diminuiu à medida que o seu porto começou a ser assoreado pelo rio Caístro,que a Oeste desembocava no mar Egeu e a antiga cidade de Éphesus foi um porto deste rio,mas com os anos a erosão e as mudanças climáticas fizeram com que a cidade antiga ficasse distante a 8,5 km da costa.ficando soterrada por séculos.

Curiosidades sobre Éphesus,

Durante o período romano, foi por muitos anos a segunda maior cidade do Império Romano, apenas atrás de Roma, a capital do império. Tinha uma população de 250 mil habitantes no século I a.C., o que também fazia dela a segunda maior cidade do mundo na época.

 DSCN0752

Baixo-relevo de Niké, deusa da vitória,

Esta pedra entalhada no mármore está a vista de todos  os visitantes do local muito interessante pela sua história

DSCN0765

Estas riquezas estão sendo restauradas,pois houve a anos atrás muito vandalismo e roubo de unidades que são todas em mármore,até a cabeça da Deusa roubaram.

DSCN0771

A Biblioteca de Celso

DSCN0770

DSCN0772

Detalhes de arte pura em mármore e como eram construídos os arcos em tijolos de barro.

Sua riqueza, contudo, não era apenas material. Nela se destacavam iniciativas culturais como escolas filosóficas; escola de magos e muitas manifestações religiosas, sendo a mais significativa em torno de Ártemis; a deusa do meio ambiente conhecida como Diana pelos romanos, a deusa da fertilidade. É dedicado a Ártemis o maior templo nela encontrado por arqueólogos austríacos. Ao lado do templo de Ártemis, com 80 metros de comprimento e 50 metros de largura, foram encontrados suntuosos palácios romanos. Outras descobertas incluem uma bela casa de banho, de mármore, com muitos quartos, a magnífica Biblioteca de Celso, a “Catacumba dos Sete Adormecidos”, onde foram encontrados centenas de locais de sepultura, e um templo dedicado à adoração ao imperador. Ali havia uma estátua de Domiciano, o imperador que exilou João Evangelista na ilha de Patmos e perseguiu os cristãos. Como é comum em praticamente todas as cidades ao redor do Mediterrâneo, também Éfeso(Éphesus) acumulava em sua tradição traços religiosos orientais, egípcios, gregos,romanos e judaicos,impressionante e vale muito visitar este local,pois é um banho de cultura.

Uma visita muito próxima é a CASA DE MARIA

DSCN0699

CASA DE MARIA em Éphesus na Turkia

DSCN0678

Veja este bom link abaixo e sinta-se lá,muito legal !

http://www.youtube.com/watch?v=R_YWljESscs

Como descobriram a Casa de Maria,

DSCN0697

A Casa de Maria é venerada também pelos muçulmanos (acima entrada e saída da casa)

DSCN0682

Emmerich também descreveu os detalhes da casa: que ela fora construída com pedras retangulares, que as janelas eram altas, próximas do teto plano, e que ela consistia de duas partes, com uma lareira ao centro. Ela descreveu ainda a localização das portas, o formato da chaminé e diversos outros detalhes9 .

Descoberta na Turquia 

images

Vista do interior da casa,

Em 18 de outubro de 1881, baseando-se nas descrições do livro de Brentano sobre as visões de Emmerich, um padre francês, o abade Julien Gouyet descobriu um pequeno edifício em pedra numa montanha com vista para o mar Egeu e para as ruínas da antiga Éfeso na Turquia. Ele acreditava que ele era a casa descrita por Emmerich e onde Maria teria vivido seus últimos dias.

Veja abaixo quem foi Ana Catarina Emmerich. (1885. Por Gabriel von Max.)

180px-Gabriel_von_Max_Die_ekstatische_Jungfrau_Katharina_Emmerich

DSCN0694 

Janela alta do quarto de Maria,

A casa foi descoberta no século XIX através da descrição obtida através das visões da beata Ana Catarina Emmerich (1774 – 1824), uma freira católica, que foi publicada como um livro por Clemens Brentano após a sua morte . A Igreja Católica jamais se pronunciou sobre a autenticidade da casa por conta da falta de evidências aceitáveis, mas de toda forma mantém um constante fluxo de peregrinos no local desde a sua descoberta.

DSCN0695

Também descreveu os detalhes da casa: que ela fora construída com pedras retangulares, que as janelas eram altas, próximas do teto plano, e que ela consistia de duas partes, com uma lareira ao centro. Ela descreveu ainda a localização das portas, o formato da chaminé e diversos outros detalhes.

O livro com estas descrições foi publicado em 1852 em Munique, na Alemanha.

 DSCN0713

Os peregrinos cristãos visitam a casa baseados na crença de que Maria foi levada para esta casa de pedra por São João e ali eles viveram até a Assunção de Maria (de acordo com a doutrina católica) ou até a Dormição (de acordo com a doutrina ortodoxa) .

Local para se tomar a água benta que brota eternamente e trazer um pouco que faz muito bem !

DSCN0710

O santuário já recebeu bençãos apostólicas e visitas de diversas papas, a primeira vez do papa Leão XIII em 1896 e a mais recente (2012) em 2006 pelo papa Bento XVI . Ana Catarina foi beatificada pelo papa João Paulo II em 3 de outubro de 2004.

DSCN0722

Um detalhe de como era a cisterna,onde acumulavam água da chuva para os moradores do vilarejo,

Abaixo o mural para colocar os pedidos em pequenos papeis improvisados,

DSCN0717

A Casa de Maria é venerada também pelos muçulmanos.

Maria não vivia em Éphesus, mas não região rural nas redondezas… A residência de Maria estava num monte à esquerda da estrada que vinha de Jeruzalém, a umas três horas e meia de Éfeso. Este monte se inclina abruptamente em direção a Éfeso; a cidade, conforme nos aproximamos dela pelo sudeste parece estar em terreno em elevação… Caminhos estreitos levam para o sul em direção a um morro no topo do qual está um platô desigual, a uma meia hora de viagem.( Ana Catarina Emmerich,)

A descoberta do abade Gouyet não foi levada a sério por muitas pessoas, mas, dez anos depois, instigado pela irmã  Marie de Mandat-Grancey , dois missionários lazaristas, os padres Poulin e Jung, de Izmir (antiga cidade de Esmirna), redescobriram o local em 29 de julho de 1891 utilizando-se da mesma fonte como guia . Eles ficaram sabendo que a pequena ruína com quatro paredes e já sem o teto vinha sendo venerada por um longo tempo pela população de uma pequena e distante vila de descendentes dos cristãos de Éfeso. A casa era chamada de “Panaya Kapulu” (“Portal para a Virgem”)

DSCN0718

A irmã Marie de Mandat-Grancey foi nomeada a fundadora da Casa de Maria pela Igreja Católica e ficou responsável por adquirir, restaurar e preservar o local e as redondezas de 1891 até a sua morte em 1915 . A descoberta reviveu e fortaleceu a tradição criatã que vinha desde o século XII, chamada “tradição de Éfeso”, que competia com a mais antiga “tradição de Jerusalém”, sobre o local da Dormição de Maria.

Por conta dos relatos do papa Leão XIII em 1896 e de João XXIII em 1961, a Igreja Católica primeiro removeu a indulgência plena da Casa da Dormição em Jerusalém e a concedeu aos peregrinos da Casa de Maria em Éfeso

Arqueologia 

A porção restaurada da estrutura se distingue dos restos originais por uma linha pintada em vermelho no edifício. Alguns expressaram dúvidas sobre o local, pois a tradição da associação de Maria com Éfeso somente apareceu no século XII, enquanto que a tradição universal entre os padres da Igreja era de que Maria vivera em Jerusalém . Defensores do novo local basearam sua crença na presença da Igreja de Maria, do século V, a primeira basílica do mundo dedicada à Virgem, em Éfeso

Na foto abaixo notamos a diferença das pedras originais da época com as restauradas conforme relatos,

DSCN0679

Posição da Igreja Católica 

A Igreja Católica jamais se pronunciou sobre a autenticidade da Casa de Maria justamente pela falta de evidências cientificamente aceitáveis. Porém, ela tem demonstrado, principalmente após as bençãos da primeira peregrinação pelo papa Leão XIII em 1896, uma atitude positiva em relação ao local. O papa Pio XII, em 1951, seguindo a definição do dogma da Assunção, do ano anterior, elevou a casa ao status de Local Sagrado, um privilégio que posteriormente foi eternizado pelo papa João XXIII.

DSCN0721

Todos os anos, peregrinos iam até o local no dia 15 de agosto, a data na qual a maior parte do mundo cristão celebra a Dormição / Assunção

Além das já visitas papais já citadas, o Paulo VI esteve no santuário em 26 de julho de 1967, João Paulo II, em 30 de novembro de 1979 , e Bento XVI, em 29 de novembro de 2006 .

DSCN0740

Engenheiro Urbano Vagner Landi,

Conhecer dentro da minha fé a Casa de Maria – MÃE DE JESUS,onde ela passou os últimos dias de sua vida,FOI MAGNÍFICO !,pois ao chegar neste local você começa sentir uma energia positiva que começa arrepiar ao momento da aproximação da casa,então por esta razão aceito como certo que Maria realmente morou neste lugar,pois segundo relatos ela teria chegado ao local refugiada com aproximadamente 57 anos de idade e provavelmente deve ter falecido no mesmo local.

Tomar a água que brota desde a época de Maria é limpar a alma e alimentar nossa fé e agradecer o momento, de eu ter a oportunidade nesta vida,”nesta passagem em vida”,em conhecer este local e poder contar para amigos como foi bom,poder passar para minha filha e para meus futuros netos ou sobrinhos e outros,que este lugar é especial,porque “ a Família é o Berço de Tudo” e a fé remove montanhas,

Obrigado Minha Nossa Senhora,por tudo nesta vida,SALVE MARIA !!!

Dedico esta matéria aos meu amigos Dr.Prof.Renato Aguiar de Vitória-Espírito Santo e o empresário Eduardo Stumpp de Cuiabá,tomando uma Efes e um Yeni Raki com meus amigos.

DSCN0851

Deixe seu recado ou comentário,clicando abaixo em Deixe seu Comentário,que o mesmo será editado e publicado.

 

Sobre engvagnerlandi

Engenheiro Civil , formado Pela Faculdade de Engenharia São Paulo na capital paulistana , Especialista em Uso e Ocupação do Solo , Plano Diretor e Aprovações de Projetos e Licenciamentos na Grande São Paulo. Tem o Urbanismo como convicção , sempre defendendo uma Melhor Qualidade de Vida para os bairros de SAMPA
Esse post foi publicado em POLITICA URBANA, Religião, Uncategorized e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Éphesus – Turkia , Greek City – The home of Maria

  1. Pingback: Maria de Nazaré – Nossa Senhora Aparecida – Os vários títulos da nossa Mãe Querida – Nostra Signora di Nazareth , i vari titoli della Mado | Engº Vagner Landi – Blog Urban Policy and Quality of Life

  2. Eduardo Stumpp disse:

    Vagner, obrigado pela dedicação dessa linda matéria. Realmente foi uma viagem muito boa, principalmente pela sua presença e a de Luna, sempre animados e bem dispostos. Faremos outras tantas. Aproveito para mandar nosso abraço para o casal capixaba Renato e Andreia.

    Curtir

  3. Miriam Stumpp disse:

    Parabens Vagner Landi! Belo trabalho sobre essa maravilha.

    Curtir

Obrigado pela sua participação!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s